Mai 06, 2021

Polícia Civil de PE retira diretora de departamento de combate à corrupção. ‘Dever cumprido’, diz Sylvana Lellis

1
0
0
s2smodern

“Na segunda feira, o chefe de polícia me chamou e fui comunicada”, disse a delegada, que será transferida para o Departamento da Mulher. “Aceitei o convite”, afirmou.


Sylvana Lellis (imagem) ainda declarou que saiu com a sensação de “dever cumprido” após dois anos e dois meses à frente do Dracco. A delegada comandava o departamento desde novembro de 2018.


“Acreditava no projeto e afirmei numa das primeiras entrevistas que dei ao Blog de Jamildo que o tempo ia mostrar. E fomos recordistas de operação, sensação de dever cumprido, somos o melhor Dracco do pais na escala da Senasp (Secretaria Nacional de Segurança Pública). No ano passado, tivemos muitas dificuldades na polícia e quem segurou as prisões e as operações foi o Dracco, fomos responsáveis por mais da metade da produção de números positivos da polícia”, disse.

“Escrevi o prefácio, essa historia (do Dracco) é muito positiva, dever cumprido”, afirmou Lellis.

O Dracco foi criado em novembro de 2018, após a extinção da Decasp, e a votação do projeto de lei na Assembleia Legislativa de Pernambuco rendeu polêmica na época.

A então delegada responsável pela Decasp, Patrícia Domingos – que em 2020 foi candidata a prefeita do Recife pelo partido Podemos, disse que a delegacia estava sendo extinta devido ao trabalho feito no combate à corrupção.

Em junho de 2020, em uma das diligências de repercussão no noticiário, o Dracco fez a Operação Inópia na Secretaria de Desenvolvimento Social de Pernambuco, comandada pelo presidente estadual do PSB, Sileno Guedes. Na ocasião, o Dracco investigou a compra sem licitação de R$ 12 milhões em cestas básicas.

O mais cotado para assumir o Dracco, delegado Guilherme Caraciolo, comandou em janeiro de 2021 a Operação Inabilitados, para desarticular uma organização suspeita de irregularidades no Departamento Estadual de Trânsito de Pernambuco (Detran-PE). Na época, foram expedidos 16 mandados de prisão e 30 de busca e apreensão. São investigadas suspeitas de crimes de corrupção ativa e falsidade ideológica.

Outro lado

A Polícia Civil enviou a seguinte nota:

“A Polícia Civil de Pernambuco informa que está realizando mudanças em algumas unidades. Naturais da administração pública, trocas de gestores visam aprimorar a prestação dos serviços oferecidos à população. Estão passando por mudanças as gestões do Departamento de Polícia da Mulher (DPmul) e do Departamento de Repressão à Corrupção e ao Crime Organizado (Dracco).

A gestora do Dracco, Sylvana Lellis, irá assumir importante missão na gerência do Departamento de Polícia da Mulher (DPmul), que possui onze delegacias especializadas no atendimento à mulher e é responsável por importantes ações para a prevenção e combate à violência contra a mulher, além da atuação como Polícia Judiciária na coordenação da investigação de crimes que têm as mulheres como vítimas. Delegada com experiência na investigação e elucidação de homicídios, ela será uma importante colaboradora na prevenção e repressão aos CVLIs de mulheres e combate aos feminicídios em Pernambuco. Julieta Japiassu, que comandava o DPmul com dedicação e competência, vai reforçar o Departamento de Polícia da Criança e do Adolescente (DPCA).

A imparcialidade, a excelência técnica e o rigor na repressão às organizações criminosas permanecem com a chegada do delegado Guilherme Caraciolo, que assume a gestão do Dracco. É um profissional experiente, que já atuou como Delegado de Homicídios em Jaboatão dos Guararapes; foi gestor do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP); delegado titular do Grupo de Operações Especiais (GOE) e titular de algumas Delegacias Seccionais.

A PCPE reforça que essas mudanças são baseadas em critérios técnicos, buscando a oxigenação das unidades e aproveitamento da expertise de cada profissional, expandindo experiências exitosas. Temos a confiança nos bons resultados a partir de trabalhos e projetos já em andamento nesses dois departamentos, compostos por equipes de policiais e servidores de inegável competência e compromisso com a segurança pública e a proteção dos pernambucanos.”

Blog de Jamildo


DELEGADOS.com.br
Portal Nacional dos Delegados & Revista da Defesa Social

 

1
0
0
s2smodern

Destaques