Jun 17, 2019

Faça seu login

Usuário*
Senha*
Lembrar de mim

Polícias Civil e Federal paralisam atividades em protesto contra a reforma da Previdência

1
0
0
s2smodern



Policiais Federais e Civis cruzaram os braços na manhã desta quarta-feira (05). A categoria paralisou em razão da Proposta de Emenda Constitucional 287, que trata da Reforma da Previdência. Para a categoria a idade mínima de 65 anos para aposentadoria é impossível e inviável.


“Nós somos radicalmente contra essa emenda. Essa PEC retira todos os benefícios que nós conseguimos depois de muitos anos para nossa categoria. Coloca o policial para trabalhar até os 65 anos e isso é impossível e inviável”, afirmou Luís Alberto, presidente do Sindicato dos Policiais Federais.


O delegado Ronaldo Prado, diretor da Associação dos delegados, completou que a PEC 287 aumenta o risco de vida na profissão de policial. Tendo em vista idade mínima de 65 anos, para ele a condição de trabalho para um policial é mínima e prejudica a categoria.

 

 

“Entendemos que é uma reforma que prejudica em demasia a Polícia Federal como um todo. De certa forma entendemos é uma forma do governo de minguar a Polícia Federal, porque quem que vai querer entrar na polícia para se aposentar com 65 anos de idade para caso ocorra um falecimento sua esposa ou seus filhos com metade do salário, com quase de dinheiro. Então é difícil. Os delegados federais vão resistir a esse movimento para que a Reforma de Previdência seja barrada e para que sensibilize os políticos”, concluiu.


O presidente do Sindicato dos Policiais Civis, Constantino Júnior, ressaltou que a PEC 287 prejudica a diretamente a categoria por conta do alto risco da profissão.


“Essa Proposta além de ser de um Governo que não tem legitimidade e que não passou pelas urnas é uma proposta devastadora para os servidores públicos de um modo geral. O governo quer fixar as idades para 65 anos, quer impor uma contribuição integral, além de retirar os trabalhadores que tem especificidade do ponto de vista de suas funções e atividades as aposentadorias especiais, é o caso de nós policiais. Então isso tudo traz um prejuízo para o trabalhador”, diz.

 

Portal AZ

 

DELEGADOS.com.br
Revista da Defesa Social & Portal Nacional dos Delegados

 

 

 

 

 

 

 

 

 

1
0
0
s2smodern

Destaques