Ago 20, 2018

Faça seu login

Usuário*
Senha*
Lembrar de mim

Delegacias de Polícia são furtadas na Grande São Paulo

1
0
0
s2smodern

Delegada Raquel Kobashi Gallinati, Sindpesp

Em uma semana, duas Delegacias de Polícia foram furtadas na Grande São Paulo. Os assaltos ocorreram no período noturno, quando os estabelecimentos estão fechados. O primeiro crime aconteceu na cidade de São Bernardo, o segundo, na madrugada de ontem, em São Lourenço da Serra. É uma situação inadmissível.

A má gestão do Governo de São Paulo nos últimos 20 anos sucateou a Polícia Civil, agigantou o déficit de funcionários, envelheceu a frota e não cuidou como deveria dos prédios das delegacias, alguns, caindo aos pedaços. Agora, como num último suspiro, as delegacias passam a ser alvos de criminosos, que aproveitam a falta de policiais à noite, pois os DPs fecham, para furtarem armas, materiais de papelaria, computadores e outros objetos. Não se pode aceitar tal descalabro.

A Associação e o Sindicato dos Delegados de Polícia do Estado de São Paulo repudiam com veemência tal situação e exigem do secretário de segurança pública uma medida imediata para evitar que novos furtos atinjam Delegacias de Polícia que jamais deveriam ser alvo de criminosos, mas sim o lugar correto para o seu indiciamento e prisão.

Se nem a Delegacia de Polícia do estado mais rico da federação está livre da insegurança pública a que nos submeteu os governos dos últimos vinte anos, o que podem esperar os cidadãos de bem?

Gustavo Mesquita Galvão Bueno
Presidente da Associação dos Delegados de Polícia do Estado de São Paulo

Raquel Kobashi Gallinati
Presidente do Sindicato dos Delegados de Polícia do Estado de São Paulo

Da Redação

DELEGADOS.com.br
Portal Nacional dos Delegados & Revista da Defesa Social

 

 

 

 

 

1
0
0
s2smodern

Destaques