Ago 02, 2021
1
0
0
s2smodern

As pessoas que recebem muitas chamadas indesejadas podem bloquear as ligações de telemarketing no celular. Existem diversas maneiras para tanto. A Anatel fornece o serviço Não Me Perturbe, uma lista nacional na qual os consumidores escolhem quais empresas terão as chamadas impedidas. Além disso, o Procon de vários estados e municípios brasileiros também oferecem opções de bloqueio regionais.

Existem também alguns aplicativos que permitem bloquear contatos indesejados, como o Whoscall e o Truecaller. A Samsung também disponibiliza uma opção de bloqueio para donos de aparelhos Galaxy, o Smart Call. Confira abaixo o passo a passo para se cadastrar em cada sistema. Nenhum deles resolve todas as situações, mas são opções interessantes de serem exploradas.

Como funciona o Não Me Perturbe

O Não Me Perturbe é uma ferramenta nacional criada pela Anatel, em julho de 2019, que permite solicitar o bloqueio de ligações de telemarketing em todo o Brasil. O serviço abrange empresas de telecomunicação (telefone móvel e fixo, TV por assinatura e internet) e instituições financeiras (empréstimos consignados e cartão de crédito consignado).

Inicialmente, o cadastro bloqueava apenas os serviços das empresas de telecomunicação Algar, Claro/Net, Claro NEXT (antiga Nextel), Oi, Sercomtel, Sky, Tim e Telefônica/Vivo.

Recentemente, alguns bancos também passaram a fazer parte da iniciativa:

Agibank
Banco Alfa
Banco do Brasil
Banrisul
Bari
BMG
Bradesco
Bradesco Financiamentos
BRB
BV
Caixa
Cetelem
CCB Brasil
Digio
Daycoval
Facta Financeira
Financeira Alfa
Inter
Itaú-Unibanco
Itaú Consignado
Mercantil do Brasil
Mercantil do Brasil Financeira
Olé Consignado
PAN
Paraná Banco
Safra
Santander
Sicredi
Zema Financeira

O cadastro no sistema deve ser realizado pelo site oficial. O consumidor poderá informar o número de telefone que deseja realizar o bloqueio, bem como eleger a prestadora ou instituição financeira cujas ligações não interessam mais. O bloqueio ocorre em até 30 dias após a data da solicitação.

Após esse período, caso o consumidor ainda receba alguma chamada, ele poderá entrar em contato com a empresa e preencher um formulário relatando o ocorrido. A empresa então terá até cinco dias para explicar a ocorrência. Ela poderá ser punida se for provado o descumprimento do bloqueio.

Outro ponto importante é que o bloqueio abrange apenas ligações de telemarketing, ou seja, oferta de serviços e produtos não solicitados. O usuário poderá continuar recebendo chamadas com confirmação de dados, prevenção a fraudes, cobranças e outros serviços bancários. O mesmo vale para SMS.

A Anatel ainda alerta que o Não Me Perturbe não tem aplicativos para smartphones, não envia e-mails com arquivos executáveis e nem solicita dados pessoais ou bancários.

Como ativar o Não Me Perturbe

É possível realizar o cadastro no site por meio do computador ou do smartphone. Entre no site naomeperturbe.com.br e siga os seguintes passos.

Passo 1. Caso não tenha cadastro, clique em “Quero me cadastrar”.

Entre no site do Procon e clique em "Quero me cadastrar"

Passo 2. Após selecionar a opção de cadastro, o consumidor deve informar nome completo, CPF, e-mail e criar uma senha contendo no mínimo oito caracteres, sendo pelo menos um maiúsculo, um minúsculo, um número e um caractere especial. Em seguida, marque a caixa dizendo que concorda com os termos de uso, confirme que não é um robô e clique em “Enviar”.

Preencha os dados com nome, CPF e e-mail para se cadastrar no site do Procon

Passo 3. Será enviado em e-mail de confirmação para o endereço solicitado. Clique em “Entendi”.

Será enviado um código de verificação para o e-mail cadastrado

Passo 4. Vá até o e-mail e clique em “Validar e-mail” para concluir o cadastro.

Confirme o cadastro no site do Procon por e-mail

Passo 5. Em seguida, volte à página inicial do Não Me Perturbe e clique em “Efetuar Login”. Informe o e-mail ou telefone cadastrado, coloque a senha e marque a caixa confirmando que não é um robô. Clique em “Enviar”.

Volte para a página inicial do Procon para fazer login

Passo 6. Na página que se abrir, clique em “Novo bloqueio” para cadastrar o número de celular.

Clique em "Novo Bloqueio" para cadastrar o número de celular

Passo 7. Digite o número do telefone e selecione as prestadoras e instituições financeiras que deseja bloquear. Confirme que não é um robô e clique em “Enviar”. O bloqueio será realizado em até 30 dias após a solicitação.

Selecione as prestadoras de serviços que deseja bloquear


Como ativar o Não Me Perturbe estadual

Mesmo que o usuário tenha se cadastrado na lista nacional do Não Me Perturbe, é importante manter um cadastro ativo nos Procons estaduais e municipais. Essas listas permitem bloquear ligações de telemarketing de outros setores, como bancos, financeiras, imobiliárias e até funerárias.

Isto quer dizer que qualquer oferta ou publicidade de cunho comercial ou institucional, de qualquer empresa a nível estadual, será bloqueada. Esse sistema abrange mais empresas e instituições do que o sistema nacional. A exceção vale para entidades filantrópicas, que poderão continuar ligando para pedir doações.

Procon regional permite bloquear mais serviços do que serviço nacional

Da mesma forma, é preciso entrar no site do Procon regional e fazer o cadastro por meio do e-mail e do CPF. O bloqueio será realizado em até 30 dias após a solicitação.

Confira abaixo a lista de sites por estados:

Alagoas: naoperturbe.itec.al.gov.br
Ceará: wapp.mpce.mp.br/DeconAntiMarketing
Distrito Federal: merespeite.procon.df.gov.br
Espírito Santo: sistemas.es.gov.br/procon/bloqueiotelef
Goiás: proconweb.ssp.go.gov.br
Maranhão: procon.ma.gov.br/bloqueio-de-telemarketing-2
Mato Grosso do Sul: bloqtel.ms.gov.br/bloqueioAcesso.aspx
Minas Gerais: aplicacao.mpmg.mp.br/proconbloqueio
Paraíba: naoperturbe.procon.pb.gov.br
Paraná: bloqueio.procon.pr.gov.br
Rio Grande do Sul: proconbloqueio.rs.gov.br
Rio de Janeiro: web-sisbloqtele.apps.rio.gov.br
Santa Catarina: bloqueiotelemarketing.procon.sc.gov.br
São Paulo: procon.sp.gov.br/bloqueiotelef


Bloqueio de telemarketing pelo Whoscall


O Whoscall é um aplicativo gratuito que permite ao usuário identificar e bloquear números desconhecidos sem precisar atender a ligação. Disponível para Android e iOS, o app conta com uma base de dados de números cadastrados do mundo todo. Cada vez que um consumidor recebe uma chamada, ele pode reportar quem ligou e alertar aos outros usuários, como se fosse uma comunidade de rede social.

Passo 1. Ao abrir o aplicativo, clique em “Começar” e aceite as definições de chamadas do aplicativo.

Baixe o aplicativo Whoscall e clique em "Começar"

Passo 2. Faça login com Facebook ou Google e selecione o DDD de origem. A seguir, a página principal será aberta. Nela estarão todas as últimas ligações recebidas pelo celular com identificação. Na parte inferior, clique em “Bloquear”.

Na página inicial, clique em "Bloquear"

Passo 3. Na aba que será aberta é possível bloquear números de acordo com operadoras, bancos e outros DDDs. Dá também para restringir números privados, internacionais e contatos que não estejam na lista do usuário.

No Whoscall, é possível bloquear números de acordo com operadoras, bancos e outros DDDs

Passo 4. Na parte de cima, é possível ver os números bloqueados. Dá também para criar uma lista com contatos permitidos, ou seja, números que poderão ligar para o aparelho.

O histórico de bloqueios e a lista de permitidos também ficam na aba de bloqueios 

Passo 5. Para bloquear um número em específico, basta voltar à tela inicial e clicar em cima da chamada. Na página que se abrirá, clique em bloquear e reporte o motivo, para ajudar outros usuários. Dá também para enviar um relatório com informações sobre a chamada, o que ajuda usuários na hora de atender ou não a chamada deste mesmo número.

É possível bloquear números de forma individual no Whoscall


Bloqueio de telemarketing pelo Truecaller


A exemplo do Whoscall, o Truecaller é um aplicativo gratuito para Android e iOS que permite bloquear chamadas e mensagens SMS. O app tem uma lista de números conhecidos por enviarem spam e alerta o usuário caso este receba uma legação desses números.

Passo 1. Ao abrir o aplicativo, clique em “Começar agora” e conceda permissão à agenda de contatos.

Ao abrir o Truecaller, clique em "Começar agora" 

Passo 2. Insira o número do telefone e faça login com a conta Google ou Facebook. Se preferir, é possível inserir o nome manualmente.

Digite o número de celular e faça login 

Passo 3. Na página inicial do aplicativo serão exibidas as últimas ligações recebidas. Ao tocar no ícone de quem ligou, será aberta uma página que permite bloquear o número. O app também permite bloquear números ocultos, estrangeiros ou os mais denunciados. Para isso, basta clicar na aba “Bloqueando”, na parte inferior da tela.

Truecall permite bloquear números mais denunciados


Bloqueio de telemarketing pelo Smart Call, da Samsung


Os donos de celular Galaxy, da Samsung, podem ainda contar com mais uma opção para bloquear chamadas indesejadas. A função Smart Call está disponível em celulares a partir do Galaxy Note 20 e da interface One UI 2.5.


O serviço permite saber quem está ligando mesmo quando o número não está na lista de contatos. Isso porque a fabricante usa um extenso banco de dados de empresas e usuários para identificar ligações indesejadas e rejeitá-las automaticamente.


Para ativar o bloqueio de chamadas indesejadas, basta acessar as configurações de chamada do aparelho, tocar em “Proteção ID de chamada e spam” e arrastar o botão para ativar a função.


Para bloquear chamadas de telemarketing em aparelhos da Samsung, basta ativar a função nas configurações — Foto: Reprodução/Samsung


Com informações de Procon e Samsung


TechTudo

DELEGADOS.com.br
Portal Nacional dos Delegados & Revista da Defesa Social









Assine Já!

 

A Revista da Defesa Social & Portal Nacional dos DELEGADOS possuem um vasto conteúdo de direito avançado criado para um seleto grupo de pessoas com alto nível intelectual, elevado desempenho hermenêutico e extensa capacidade cognitiva. É destinado a uma parcela de analistas jurídicos, como bachareis em Direito, concurseiros, professores, advogados, policiais, delegados de Polícia, procuradores públicos, promotores de justiça, juizes de Direito, defensores públicos e juristas que possuem essas qualidades.

 

Produzido por professores e delegados, o conteúdo do Portal Delegados possui predicados jurídicos sintetizados para evitar desperdício de tempo na leitura e compreensão de textos. Com jurisprudência classificada dos tribunais superiores, facilita a vida de quem faz parte do mundo jurídico e aplica o Direito na prática social e funcional, bem como em concursos públicos. 

 

 

 

 

1
0
0
s2smodern

Destaques