Abr 19, 2021

Aos 40 anos, morre policial do Piauí referência em investigação cibernética

1
0
0
s2smodern

Policial civil Mardem Lincow Carvalho da Silva 

A Covid-19 tirou a vida de um piauiense apaixonado pela vida e pela profissão. Na noite do domingo (14), o policial civil Mardem Lincow Carvalho da Silva, 40 anos, morreu em Brasília após uma semana lutando contra doença.

Natural de Teresina-PI, atualmente, ele trabalhava no Ministério da Justiça no Laboratório de Operações Cibernética. Entre tantas contribuições, ele participou de uma das maiores investigações de combate à pornografia infantil, Luz na Infância, de caráter internacional. No Piauí, ele desenvolveu o aplicativo Depre DH auxiliando a Polícia Civil a tirar de circulação traficantes e homicidas.

"Foi uma perda não só para a Polícia Civil, mas para o Ministério da Justiça. Meu irmão era um grande homem, apaixonado pelo que fazia. Ficou dois anos em Brasília morando sozinho e depois conseguiu levar a esposa e o filho. Na pandemia, preferiu ficar em Brasília porque estava trabalhando na operação Luz da Infância. Ele tinha muito amor à profissão. Temos recebido o carinho de muita gente até da Embaixada do Estados Unidos. Ele fez curso no FBI, tinha várias premiações. Tinha muito serviço prestado. Uma grande perda", lamentou a irmã Julyana Andressa Carvalho.
 

Ao Cidadeverde.com, ela contou que a esposa de Mardem, que também é piauiense, está internada e luta contra a doença. O filho do casal- de 13 anos de idade- foi infectado de forma menos agressiva e ainda não sabe do falecimento do pai.

Mardem Lincow era obseso e hipertenso. Julyana conta que, antes se ser intubado, o irmão pediu pra ser trazido ao Piauí.

"Ele foi internado lá no dia 09 e quando falou comigo pediu pra vir ao Piauí, mas a gente não conseguiu devido a gravidade do estado de saúde. Meu irmão não aguentou. Minha cunhada foi internada há uns dois dias e, como só moravam só os dois com o filho, trouxemos meu sobrinho pra cá quando descobrimos que também foi infectado. Ele está com os avós e ainda não sabe do pai. Minha cunhada sabe, mas não aceita", conta Julyana Andressa.

No Piauí, Mardem Lincow foi lotado na Inteligência da Polícia Civil. Antes de ser agente, ele foi policial militar. A paixão pela segurança pública foi herdada do pai que também é policial civil lotado no 9º Distrito Policial em Teresina.
 

Mardem Lincow será cremado e a despedida será em uma cerimônia restrita.

Em Brasília, o policial integrava a equipe do delegado Alessandro Barreto, que é piauiense e coordenador do Laboratório de Operações Cibernéticas, do Ministério da Justiça.

 
"Em 48 horas perdi dois policiais da minha equipe. Éramos oito. Muito triste! infelizmente sem condições de falar", disse bastante abalado o delegado e amigo de Mardem.


A Policia Civil do Piauí se manifestou por meio de nota.

A Delegacia Geral de Polícia Civil vem, por meio da presente nota, manifestar votos de pesar pelo falecimento do Agente de Polícia Civil Mardem Lincow Carvalho da Silva, ocorrido em 15 de março de 2021, em decorrência da Covid-19.


Atualmente, o agente de polícia encontrava-se trabalhando em Brasília no Ministério da Justiça, tendo ingressado na PC-PI no ano de 2014.


A Delegacia Geral deseja conforto aos familiares e amigos do APC Mardem Lincow Carvalho da Silva nesse momento de dor.

Cidade Verde

DELEGADOS.com.br
Portal Nacional dos Delegados & Revista da Defesa Social

 

 

 

 

 

 

 

 

1
0
0
s2smodern

Destaques